Normas Gerais de Participação em Grupos de Discussão por Email

[Nota de 14.12.2019: Criei estar normas para facilitar a comunicação e a discussão, diminuindo perda da tempo e reduzindo o risco atritos. Elas foram criadas em 1998 para o grupo EduTec.Net, que chegou a ter cerca de 1.500 participantes, antes de eu fechá-lo, na sequência de 9.11 (2001), por que participantes esquerdistas e anti-americanos não conseguiam ficar sem celebrar. Diante disso, preferi encerrar a experiência. As normas de conduta no Grupo de Discussão continuam a ser úteis, embora a realidade tecnológica da sociedade e a cultura digital das pessoas sejam muito diferentes. EC]

1) As mensagens devem, em regra, estar relacionadas de alguma forma com os objetivos da lista EduTec.Net – isto é, devem estar relacionadas com a educação.

[NOTA A: Esta norma não deve ser interpretada rigidamente. Os membros da lista EduTec.Net formam uma verdadeira comunidade virtual na qual as pessoas devem se comportar como se estivessem em uma comunidade não-virtual de amigos. Assim, conversa miúda, como parabéns por aniversários, brincadeiras de natureza pessoal, até mesmo piadas, são admissíveis – desde que não virem a regra. A razão de sua admissibilidade está no fato de que o trabalho de todos que estão envolvidos na lista tornará mais fácil se cada um se sentir “em casa” na presença dos demais – e em casa a gente normalmente “joga um bocado de conversa fora”.]

[NOTA B: Como, porém, a experiência mostra que, com a melhor das intenções, as pessoas, infelizmente, muitas vezes deixam o bom senso de lado, pede-se, encarecidamente, que não se enviem para as listas mensagens que vivem circulando pela Internet sobre como enriquecer rapidamente e sem fazer esforço, ou sobre crianças desaparecidas ou doentes, ou sobre indivíduos que foram assaltados e narcotizados para que se lhes roubassem os rins, sobre os males de telefone celular, sobre empresas que supostamente nos pagam para leiamos e-mails ou naveguemos pela Internet para elas, sobre o receio de que nos Estados Unidos as crianças estejam aprendendo que a Amazônia não é mais nossa, etc. – a lista de assuntos é infindável. Portanto, reforce o seu bom senso um pouco…]

2) As mensagens devem indicar clara e corretamente o assunto. Cuidado com os RE:!.Se você vai responder a uma mensagem, mas mudando o assunto, mude a linha de Assunto (Subject). [Como se verá a seguir, não acentue a linha de Assunto (Subject), nem use nela cedilhas].

3) As mensagens devem ser enviadas como “Texto Simples” (“Plain Text”) ou “Texto sem Formatação”  e não vir acentuadas – especialmente na linha de Assunto (Subject) – acentuação no corpo da mensagem sendo admissível. Não envie mensagens em formato HTML, Rich Text ou .doc. Se sua mensagem contém fundo colorido ou com imagens, texto formatado em diferentes fontes, tamanhos, cores ou estilos, ela está no formato errado: elimine o formato usando o comando Formatar (Format) de seu menu (ou outro comando, dependendo de seu sistema). Nossas listas estão configuradas para barrar tudo que não é Texto Simples (ou Texto Puro). Quando o autor da mensagem insiste em enviar a mensagem em HTML, o formato HTML é eliminado e aparece na mensagem a seguinte observação: [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas].

4) As mensagens não devem conter anexos (“attachments”). Attachments são um problema em listas e são, hoje, os principais veículos de transmissão de vírus. Por isso, por mais bonita que seja uma imagem, por mais interessante que seja uma foto, por mais divertida que seja uma charge, ou por mais inspiradora que seja uma seqüência de slides em PowerPoint, não envie para a lista. Nossas listas estão configuradas para barrar anexos (“attachments”).

5) Em princípio, as mensagens não devem conter documentos grandes disponíveis na Internet: só os seus URLs.

[NOTA: Abre-se exceção a esta regra no caso de notícias e artigos de jornais e revistas, ainda que seu tamanho possa ser relativamente grande. A responsabilidade pela eventual infração de direito de cópia (Copyright) é, entretanto, de quem envia a matéria].

6) As mensagens não devem incluir piadas de mau gosto, material ofensivo, propostas de correntes e outros esquemas. [Vide NOTA B à Norma 1].

7) As mensagens podem conter referências a produtos comerciais de interesse, mas não descrições detalhadas, que devem ser fornecidas em apenas aos que demonstrarem interesse.

8) Ao dar RESPONDER (REPLY) a uma mensagem recebida das listas, a resposta irá para todos os membros da lista. Se quiser responder apenas para quem enviou a mensagem, não para a lista inteira, apague o e-mail da lista e coloque o e-mail do autor da mensagem.

9) As mensagens de cunho operacional e administrativo devem ser enviadas ao Coordenador da Lista, não à lista, a menos que sejam de interesse claramente geral. Incluídas aqui estão mensagens pedindo para sair das listas, para mudar de e-mail, ou para informar que o fluxo de mensagens foi misteriosamente interrompido.

PRESTE ATENÇÃO AOS SEGUINTES DEZ ATRIBUTOS DE MENSAGENS BEM ESCRITAS
(embora contenham alguma repetição do que foi dito acima):

1. Identificação do Autor

Nem todos os sistemas de correio eletrônico colocam o nome do autor da mensagem como remetente. Uns deixam apenas o e-mail do autor, que, às vezes, não dá a menor pista de quem é o autor. E mesmo os sistemas que trocam o e-mail do autor pelo seu nome, às vezes enviam mensagens com o nome errado (como, por exemplo, o nome do cônjuge ou de um filho do autor). Assim, não deixe de colocar seu nome e sobrenome, bem como o seu e-mail principal, no final do texto.

Embora assinaturas automáticas facilitem o trabalho do remetente, não se deve exagerar nelas. Evite fazer delas um “mini curriculum vitae”. Em geral o recipiente de uma mensagem eletrônica não está interessado em saber seu endereço convencional, número de telefone, número de fax, onde você trabalha, que cargo exerce, qual a sua formação acadêmica, titulação, etc.

Evite também colocar pequenos recados (provérbios, ditados, citações, versículos bíblicos, etc.) em sua assinatura, principalmente se você escreve várias mensagens por dia para os mesmos destinatários (como, por exemplo, numa lista de discussão como esta), porque todos vão ter que ler a mesmo coisa varias vezes por dia.

2. Identificação do Assunto

A linha de Assunto deve identificar adequadamente o conteúdo da mensagem, de modo a permitir que os não interessados nele a descartem e os profundamente interessados a arquivem diretamente em alguma pasta de sua escolha. Se sua mensagem é uma resposta a uma outra mensagem, e envolve uma digressão em relação ao assunto indicado na linha de Assunto da mensagem original, mude a linha de Assunto de modo a que passe a refletir o conteúdo de sua mensagem.

3. Foco Bem Definido

Ao enviar mensagens para uma lista você estará se beneficiando do privilégio de falar para uma audiência de várias pessoas – várias centenas delas, em algumas de nossas listas. Suas mensagens serão lidas por muitos – mas por muitos outros elas serão ignoradas. Em alguns casos o leitor vai eliminar (deletar) a mensagem sem ler o seu conteúdo, apenas em decorrência da informação dada na linha de Assunto – ou na linha do Autor (remetente).

Foque bem a sua mensagem para que os que decidirem lê-la não sejam obrigados a encontrar, nela, material que não é pertinente ao assunto indicado. Não escreva mensagens que cobrem vários assuntos. Se for preciso, envie mais de uma mensagem, cada uma dirigida a um assunto especifico.

Mensagens que meramente exprimem a sua concordância (“Muito bem, gostei!”) ou discordância (“Mas o que é isso?!?!?!”) com o conteúdo da mensagem de outra pessoa não devem, em regra, ser enviadas para a lista: dirija-as diretamente ao autor da mensagem original.

4. Clareza no Conteúdo

O que você escreve revela o seu pensamento. Textos escritos sem atenção, de forma descuidada, são indicativos de uma mente desarranjada e pouco rigorosa. Formule o seu pensamento com cuidado. Atente para que sua mensagem não tenha orações sem pé nem cabeça. Procure não deixar passar erros de ortografia e gramática – esse é um sinal de respeito aos seus interlocutores.

É verdade que a correção da expressão lingüística não garante, por si só, que o pensamento nela veiculado seja de boa qualidade. Isso significa que é possível ter conteúdo sem qualidade em forma correta. Contudo, no caso de pensamento e linguagem, dificilmente ocorre o oposto: conteúdo de boa qualidade em forma inadequada. A relação existente entre pensamento e linguagem é tão intima que uma linguagem inadequada dificilmente permite que se expresse um pensamento claro e preciso. Na realidade, a inadequação lingüística geralmente é sintomática de  pensamento obscuro e impreciso, de confusão nos conceitos e enunciados (entidades lógicas) que subjazem aos termos e as orações (entidades lingüísticas).

5. Clareza na Forma

No caso de mensagens eletrônicas não é só o seu conteúdo, em si, que deve ser claro: deve também ficar claro sobre o que você está falando ou a que (quem) você está se referindo. Se você vai comentar algo que alguém disse em outra mensagem, recorte a passagem relevante (nem mais, nem menos) e a identifique, dando o nome do autor e a data e hora da mensagem.

Não deixe nenhuma ambigüidade na sua mensagem sobre o que é citação de terceiros, que você está comentando, e o que você mesmo está dizendo. Se “a” disse algo, que “b” comentou, e você quer responder ao que “a” disse, não use a mensagem de “b” para responder, especialmente se seu sistema coloca >> para a mensagem original, > para a primeira resposta, etc.

Procure verificar, especialmente no caso de citações, se as quebras de linha estao dentro dos limites aceitáveis pelo seu programa, para que a mensagem que os outros vão ler não tenha quebras de linha em lugares errados.

Alem disso, pule uma linha entre parágrafos. No final, antes de colocar “Abraços” (ou algo assim) e seu nome e e-mail, pule também uma linha. Essas providências, embora simples e elementares, contribuem para que sua mensagem se apresente de uma forma visualmente agradável na tela de seus destinatários.

Por fim, escreva usando texto puro (não formatado), porque ao usar texto formatado você estará vendo uma coisa em sua tela que não é, necessariamente, o que os outros estarão vendo em suas telas. Não acentue na linha de Assunto (Subject). Nas listas do “Sua Escola” você pode acentuar o corpo da mensagem, mas às vezes esses acentos (e a cedilha) não são corretamente interpretados. Muitas pessoas deletam, sem ler, mensagens que vêm com os acentos e cedilhas substituídos por letras que tornam difícil decifrar o que foi originalmente escrito. As listas do “Sua Escola” estão configuradas para barrar a formatação de mensagens em HTML: apenas o texto passa pelo filtro, não a formatação.

6. Tamanho Reduzido

Quanto mais curta a sua mensagem, melhor – desde que você consiga nela dizer o que pretende. Quanto maior a mensagem, mais bem formatada e editada ela deve ser. Se sua mensagem, por alguma razão, precisa ser longa, indique isto na linha de assunto através da palavra [LONGA!].

A clareza não deve, entretanto, ser sacrificada em favor da brevidade. Não deixe sua mensagem obscura apenas para mantê-la dentro de um tamanho reduzido.

7. Anexos

Não envie anexos (“attachments”) nas mensagens que você envia para a lista. As nossas listas estão configuradas para barrá-los, porque servidores de lista às vezes não conseguem dar o tratamento adequado ao arquivo anexado e pode colocar no final de sua mensagem uma quantidade enorme de caracteres gráficos ou letras sem sentido, que deixam sua mensagem enorme e sem sentido.

Mesmo que o servidor processasse anexos corretamente, anexos em geral deixam a mensagem pesada (maior) e obrigam às vezes centenas de pessoas, muitas das quais podem não ter interesse no anexo, a recebê-lo.

Além do mais, anexos são, hoje, os principais portadores dos vírus que se transmitem através de correio eletrônico. Muitos leitores, por isso, apagam automaticamente mensagens com anexos.

8. Circulares

A experiência mostra que, com a melhor das intenções, as pessoas, infelizmente, muitas vezes enviam para a lista mensagens que vivem circulando pela Internet sobre como enriquecer rapidamente e sem fazer esforço, ou sobre crianças desaparecidas ou doentes, ou sobre indivíduos que foram assaltados e narcotizados para que se lhes roubassem os rins, ou sobre os males do telefone celular, ou sobre empresas que supostamente nos pagam para que leiamos e-mails ou naveguemos pela Internet para elas, ou sobre o receio de que nos Estados Unidos as crianças estejam aprendendo que a Amazônia não é mais brasileira, etc. – a lista de assuntos e infindável.

Piadas e alertas sobre vírus (até mesmo supostamente transmitidos por telefonemas celulares!) se incluem nesta categoria. Portanto, não distribua para a lista nenhuma circular desse tipo.

Informações sobre congressos e eventos que possam ser de interesse dos membros da lista, embora sejam circulares, ficam fora dessa restrição.

9. Polidez

Comentários e observações rudes e indelicados são inapropriados em discussões públicas – especialmente entre educadores. Se outros forem rudes ou indelicados para com você, ignore-os, não lhes responda. Se você se sente obrigado a responder-lhes, faça-o em privado, para que os outros membros da lista não sejam constrangidos a testemunhar discussões pessoais.

Se você achar que a outra pessoa fez comentários e observações que podem induzir outras pessoas a erro, escreva para a lista apontando o fato, mas discutindo as idéias e/ou os fatos, não fazendo ataques pessoais. Pessoas intencionalmente rudes são famintas pela atenção de pessoas educadas, sensatas, razoáveis. Deixe-as passar fome, ignorando-as.

Não corrija em público erros de português cometidos pelos autores de outras mensagens. Na verdade, algumas pessoas se irritam até mesmo com a correção em privado. Mesmo que você seja daqueles que ficam muito incomodados com erros de português em textos públicos, procure conter-se.

Por fim, é parte da polidez não fazer de você mesmo o assunto mais freqüente de suas mensagens. Embora seja compreensível que voce goste de falar de você mesmo, seu gosto pode não ser totalmente compartilhado por seus colegas de lista.

10. Revisão

Não se esqueça de reler a sua mensagem antes de enviá-la. Se tiver um corretor ortográfico, faça uso dele. Se fez referência a fatos, confira as afirmações feitas. Pense duas vezes antes de dizer algo que você acha que pode ser mal interpretado.

Escolha bem seus termos. Certas palavras podem ser muito naturais para você – mas ser consideradas ofensivas por outros.

Embora ninguém tenha a obrigação de respeitar sensibilidades exageradas, como as dos defensores da linguagem “politicamente correta”, use sempre o bom senso (que, espero, você tenha).

© Direitos Reservados: Eduardo Chaves

OUTRAS CONSIDERAÇÕES ACERCA DAS MENSAGENS DIRIGIDAS À LISTA

1. Direitos de Autor e Distribuição Cruzada

O autor de uma mensagem enviada para as listas mantém sobre ela todos os direitos de autor, mas, ao utilizar uma lista, concede ao responsável por ela o direito não exclusivo de utilizar o conteúdo da mensagem, divulgando-o no site da lista e em outros sites que compilem as mensagens enviadas para a lista, bem como de citá-lo e transcrevê-lo em publicações acerca da lista ou de sua temática.

Membros da lista tem o direito de citar as mensagens de outros membros em mensagens dirigidas à própria lista, mas não estão automaticamente autorizados a reenviar mensagens desta lista para outras listas nem a citá-las em publicações, exceto, naturalmente, no caso daquelas que são inteiramente de sua autoria.

2. Copyright

Cada pessoa é pessoal e exclusivamente responsável pelo conteúdo de suas mensagens às listas, ficando os seus coordenadores totalmente eximidos de qualquer responsabilidade na hipótese de violação de direitos autorais (copyright) ou na hipótese de que mensagens dirigidas à lista pelos membros sejam utilizadas como causa para processos de difamação, calúnia, ofensa pessoal, ou outras causas – exceto, naturalmente, no caso das mensagens que ele próprio redigir.

©) Direitos Reservados: Eduardo Chaves

Em São Paulo, 14 de Dezembro de 2019.



Categories: Discussão Online, Grupos de Discussão, Uncategorized

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: